Archive for Dicas

O que NUNCA executar num terminal em Linux

Como eu sou um daqueles gajos que acredita piamente que se disser a alguém “não faças isto”, essa pessoa vai acabar por fazer isso mais cedo ou mais tarde, deixo aqui umas dicas acerca do que não se deve executar no terminal em Linux…

~ $ rm -rf ./
~ $ rm -rf /
~ $ rm -rf .
~ $ rm -rf *

Como isto é a escolha do freguês executem o que acharem melhor, o resultado final irá ser o mesmo 🙂 mais coisa menos coisa e se executarem os comandos como root ainda melhor…

Agora os meus favoritos, em Perl…

#!/usr/bin/perl
fork while 1

fork while fork

E em C…

#include <unistd.h>
int main(int argc, char* args[])
{
while(1)
fork();
return 0;
}

E para a malta do windows não ficar chateada aqui fica um para eles em forma de batch code

:s
START %0
GOTO :s

%0|%0

P.S – Quem quiser saber o que estas coisas engraçadas fazem podem sempre ir ao google o utilizar ou man (em linux)…

Deixe um Comentário

Remover itens duplicados no Google Reader

Para aquelas pessoas que subscrevem vários feeds e entre eles vários planetas agregadores, tais como o PlanetGeek e o TekPT, já devem ter reparado que de vez em quando aparecem uma entradas duplicadas. Parecendo que não isto torna-se chato porque se volta a ler o que já se tinha lido antes ou então resulta num scroll “sempre a abrir ” que salta uma serie de posts (que é o que eu faço 🙂 ).

Assim para me deixar de chatear com esta coisa resolvi googlar um pouco e descobri este script para o GreaseMonkey, um add-on para o Firefox.

Basicamente este script filtra as entradas e elimina as duplicadas, entradas indesejadas ou então realça conteúdo através de um filtro baseado em keywords.

Para mais info dêem um salto aqui. Para instalar cliquem aqui (devem ter o GreaseMonkey instalado).

P.S – Atenção que este filtro só funciona na vista em lista e não na expandida

Deixe um Comentário

Erro na acualização da VirtualBox

Se são daqueles utilizadores que tinham instalada uma versão da Sun xVM VirtualBox anterior à 2.0 e resolveram actualizar para a versão 2.0 e tiveram problemas com a instalação do pacote (no meu caso foi um .deb) porque dava um erro do género

Unpacking virtualbox (from virtualbox_2.x.x-xxxxx_Ubuntu_hardy_i386.deb) …
dpkg: error processing virtualbox_2.x.x-xxxxx_Ubuntu_hardy_i386.deb (–install):
trying to overwrite `/lib/modules/2.6.22-14-generic/misc/vboxdrv.ko’, which is also in package virtualbox-ose-modules-2.6.22-14-generic
dpkg-deb: subprocess paste killed by signal (Broken pipe)
Errors were encountered while processing:
virtualbox_2.x.x-xxxxx_Ubuntu_hardy_i386.deb

Fiquem a saber que remover a versão anterior por si só não é suficiente, têm de ir ao Synaptic Package Manager e remover manualmente os modulos do kernel que ainda estão instalados.

Deixe um Comentário

Ubuntu Manpages

Hoje descobri as manpages, que para quem não sabe contêm uma listagem e os manuais de todos os comandos disponíveis em Linux.

Claro que estes manuais estão acessíveis através do terminal bastando para isso fazer man [nome_do_programa], mas neste caso existe a vantagem da informação se encontrar sempre actualizada, e de ser outra forma de consultar a ajuda para quem não está com paciência para ir ao terminal.

Para consultar toda a informação acerca de um programa só têm de se deslocar aqui.

Deixe um Comentário

Configurar o GRUB e USplash com o StartUp-Manager

Para quem anda à procura de uma aplicação para configurar o GRUB e os Splash Screens com apenas uns cliques, e que já foi referida num post anterior, essa aplicação é o StartUp Manager.

O StartUp Manager é uma espécie de canivete suíço, que para quem não está com paciência para andar a editar ficheiros de configuração é uma mais valia. É uma ferramenta que permite de uma forma muito simples gerir uma série de definições do sistema, desde as mais simples ás mais complexas.  Basicamente todas as alterações são feitas com recurso a um interface gráfico com apenas uns cliques.

Para instalar o StartUp Manager basta executar no terminal

$ sudo apt-get install startupmanager

Com esta ferramenta podemos, de uma forma muito simples

– Gerir as opções de arranque (visualização, sistema por defeito, etc)
– Gerir o aspecto do GRUB, temas do USplash e cores do bootloader
– Implementar opções de segurança
– Outras opções de arranque (memtest86, modo de recuperação, etc)

Screenshots

Deixe um Comentário

USB e a VirtualBox OSE

Se têm a VirtualBox instalada e ultimamente travaram uma guerra com a configuração do USB, e só por acaso essa versão é a OSE (Open Source Edition)., só tenho uma coisa a dizer… ESQUEÇAM, a versão OSE  não suporta USB como podem verificar aqui.

É sempre bom descobrir estas coisas para depois chegar à conclusão das horas “perdidas” e das  valentes dores de cabeça que estes pequenos pormenores criam.

Então o que fazer para resolver este problema, simples basta ir ao site da SUN (para quem não sabe a SUN adquiriu a VirtualBox) e fazer o download da ultima versão da SUN xVM VirtualBox.

A diferença entre estas duas versões está na licença utilizada, enquanto a VirtualBox OSE está licenciada sob a  GPL (General Public License), a SUN xVM VirtualBox utiliza a PUEL (Personal Use and Evaluation License) que só permite a utilização da aplicação para fins pessoais ou educacionais.

A actualização não gera qualquer tipo de problemas com as maquinas virtuais criadas com a versão OSE, as maquinas são importadas para a nova versão e funcionam normalmente.

Para activar o USB basta ir ás “configurações” da maquina virtual e no separador “USB” marcar “activar controlador USB“, o ultimo passo é adicionar uma linha ao fstab, para isso executar no terminal

$ sudo gedit /etc/fstab

e adicionar

none   /proc/bus/usb   usbfs   devgid=46,devmode=664   0   0

Download – VirtualBox OSE | SUN xVM VirtualBox

Comments (1)

Configurar o Ubuntu com o Ubuntu Tweak

O Ubuntu Tweak é uma espécie de painel de controlo desenvolvido para configurar o Ubuntu de uma forma muito simples. Com esta aplicação é possível aceder a determinadas opções, que por vezes o ambiente de trabalho não fornece ou então se encontram mais escondidas, de uma forma fácil e centralizada.

É uma aplicação em desenvolvimento e  exclusiva para o ambiente Gnome, actualmente na versão 0.35, de onde se podem destacar as seguintes “features”

  • Aceder a Informação do sistema (Kernel, CPU etc)
  • Gestão dos ícones do ambiente de trabalho e de volumes montados
  • Preferências do Metacity e do Compiz Fusion (estilos, efeitos, etc)
  • Gestão dos programas que iniciam com o Ubuntu
  • Instalação/Remoção de aplicações
  • Definições das pastas de documentos
  • Definições e scripts para o Nautilus
  • Definições de segurança
  • Definição de teclas de atalho
  • Gestão avançada de energia
  • Gestão de splash screens

Alguns screenshots

Apesar do nome esta aplicação também pode ser instalada em outras distribuições.

Homepage | Download

Deixe um Comentário

Older Posts »